ZINI BRASIL APRESENTA MILANEZIN®, A FARINHA DE EMPANAMENTO ECONÔMICA, MAS IGUALMENTE LIPÓFOBA - Zini Alimentos

O CONCEITO LIPÓFOBO NO EMPANAMENTO INDUSTRIAL

A ZINI BRASIL tem orgulho de ter introduzido, no mercado brasileiro de produtos empanados, o conceito de baixa absorção de óleo. Item este que infelizmente, ainda hoje, muitos fabricantes de produtos empanados a serem fritos, não consideram em suas características tecnológicas.

Parece que nem consideram que a elevada absorção de óleo constitui o principal motivo de rejeição dos empanados na dieta moderna e o motivo pelo qual muitos potenciais consumidores se afastam do consumo. Ou, pior ainda, são afastados pelos médicos, nutricionistas, orientadores de todo tipo de profissionais ou amadores.

Por esse motivo, a ZINI BRASIL optou por estender a sua exclusiva tecnologia de produção para um novo tipo de farinha de empanamento que, mantendo as características de baixa absorção de óleo – lipófoba -, fosse na apresentação do produto final mais similar ao pão moído tradicional. Em português “farinha de rosca”.

Esta nova família de farinha de empanamento deve ser caracterizada pela extrema economia nos custos. Obtida através das escolhas técnicas e de ingredientes que não afetam o tema lipófobo que sempre será o maior objetivo do desenvolvimento da ZINI LAB em São Paulo.

MILANEZIN® TEM APARÊNCIA DO PÃO MOÍDO TRADICIONAL

No lançamento deste novo produto, a ZINI procurou manter ao máximo a aparência da farinha de rosca tradicional para todo aquele público consumidor que tem neste tipo de produto seu padrão.

É bem verdade que o grande sucesso da primeira farinha para empanamento com característica lipófoba patenteada e produzida pela ZINI, o FIOCCOPAN®, tem como diferencial o seu exclusivo aspecto claro e dourado. No entanto, para agradar aqueles que preferem a aparência do pão moído, da cor levemente amarelo escuro/amarronzado, a ZINI lança o MILANEZIN®. Afinal, todos nós sabemos quanto é conservador o consumidor nos seus hábitos alimentares.

O MILANEZIN® tem exatamente a apresentação colorimétrica do pão moído que ainda é a referência no empanamento encontrado nas gôndolas dos supermercados e dos atacados e que confere ao produto final aquele aspecto mais escuro que todos estão acostumados a ver.

Melhor? Pior? “De gustibus non est disputandum” dizia um velho ditado em latim. “Não se discute sobre gostos, eles determinam o sucesso do produto”.

A REAÇÃO DE MAILLARD

Vamos introduzir uma informação que é óbvia para todos os técnicos do setor de alimentação, mas é desconhecida pela maioria dos consumidores.

Reação de MAILLARD ou CARAMELIZAÇÃO nada mais é que o processo de escurecimento que acontece quando açúcares e proteínas são colocadas em temperatura elevada.

Isso explica porque qualquer pão, biscoito, bolo, etc. fica escuro ou amarronzado por fora e claro por dentro. Porque a carne entra no fogo vermelha e sai marrom (várias tonalidades, etc.). Porque MILANEZIN® (e outras farinhas de empanamento) entra na panela de fritura clara e sai bem mais escura.

MILANEZIN® respeita este processo natural.

Foi projetado para ficar marrom bem dentro do óleo de fritura ou até na AIR FRYER.

Portanto, sua coloração é perfeitamente natural. A ZINI prioriza a escolha dos tipos de farinha de trigo nacionais que melhoram esta reação orgânica natural.

OS INGREDIENTES DE MILANEZIN®

Aí vem a parte mais interessante do projeto.

Como fazer uma farinha que seja, ao mesmo tempo, saudável, tradicional e econômica?

Aplicando também o conceito de “clean label”, isto é, simplificando ao máximo a receita.

A farinha de trigo é 100% nacional. Escolher o tipo certo de trigo, que por ser rico em amido se converte rapidamente em açúcares, sendo assim  propício a já apresentada MAILLARD.

Graças à Deus no Brasil moderno este trigo existe em grandes quantidades.

Depois precisa de um start natural de forma que o tempo de imersão em óleo fervendo seja o menor possível.

Sempre para preservar a característica lipófoba da exclusiva tecnologia utilizada pela ZINI.

Eliminando portanto, todos aqueles outros ingredientes como sal, corantes, amidos modificados, etc. que fazem a alegria dos formuladores da velha guarda e fabricantes de aditivos.

Logicamente sem conservantes, acidulantes, ou modificadores da reologia porque a grande conservabilidade do MILANEZIN® se deve exclusivamente ao reduzido teor de H2O no final do processo e ao tratamento HTST que reduz drasticamente a carga bacteriana e o torna ideal como ingrediente para todos os produtos cárneos.

MILANEZIN® NÃO UTILIZA COMBUSTÍVEIS FÓSSEIS 

Graças ao estudo energético realizado pela ZINI LAB, se conseguiu eliminar da linha de produção, todo tipo de combustível fóssil, utilizando assim, exclusivamente fontes energéticas renováveis.

Realmente o investimento foi considerável para alcançar um resultado tão ambicioso do ponto de vista ambiental. Porém valeu a pena.

O cliente e usuário do MILANEZIN® pode utilizar deste argumento inovador para mostrar a seus clientes que ele também está colaborando em combater o aquecimento global que todo consumidor já conhece e teme.

OUTROS FATORES QUE EXPLICAM A ECONOMIA DO MILANEZIN® 

Vamos aqui apresentar, resumidamente, alguns fatores que explicam a competitividade dos preços da nova farinha de empanamento:

  • Reduzido gasto energético. A linha automatizada conseguiu minimizar o custo energético do MILANEZIN® seja na parte térmica como na energia motriz. O que constitui um fator econômico relevante que a ZINI BRASIL transfere aos seus clientes;
  • Automação e eliminação de qualquer contato manual. Além de ser uma medida de segurança alimentar, este fator reduz os custos pela excelente produtividade per capita alcançada;
  • Embalagem reduzida. Utilizando só sacos de 10 kg em plástico impresso, se consegue reduzir estes custos inúteis que só servem para iludir os clientes;
  • Produção contínua sem paradas. A linha de última geração instalada na ZINI faz da produção contínua sua característica e elimina todos os custos de start – stop que oneram os demais métodos de produção;
  • Diluição dos custos gerais. Operando em processo contínuo, a unidade fabril do MILANEZIN® consegue abater seus custos e despesas gerais. Esta economia bem consistente é inteiramente repassada ao cliente através da sua lista de preços FOB;
  • Novo critério de venda pelo MERCATONE ZINI. Foi também eliminada toda estrutura comercial que incidia gravemente nos custos. O preço é FOB. A publicidade só por meios eletrônicos. O sistema de captação e administração dos pedidos é automatizada.

PRIORIDADE AO TREINAMENTO E C.Q.

Igualmente foi priorizado o sistema de atendimento técnico aos clientes profissionais.

O próprio setor ZINI LAB disponibiliza para todo tipo de informação e orientação.

O restaurante PIAZZA ZINI está apto para fazer todo tipo de demo, teste, avaliação com MILANEZIN® na presença dos técnicos do cliente.

O C.Q. da ZINI LAB acompanha sempre o processo de produção e monitora os parâmetros.

Inclusive garantindo a máxima atenção e demonstração ao conceito lipófobo que foi completamente preservado neste novo projeto e que realmente constitui um diferencial no mercado que abre uma nova época nos empanados de qualidade.

Zini Alimentos - Farinha de Rosca para Empanar Lipófoba